11 3159 1970 / rua gen. jardim 482 c132

memorial

O conjunto

A idéia de implantar o Centro de Refêrencia em Empreendedorismo sem entrar em conflito com as edificações existentes, levou em consideração o relevante impacto que estas possuem no atual conjunto. Apesar de significativas, os edifícios existentes não possuem relação direta, na realidade estão desconectados entre si. Portanto, nossa intenção foi aproveitar o novo edifício para estabelecer uma outra relação, única e integradora, fazendo com que todo o conjunto se interaja naturalmente.

 

Um novo eixo, uma nova rua

Desenhamos um novo eixo de circulação e controle que deverá estabelecer uma relação mais direta entre as ruas Homem de Melo, acesso ao Centro Operacional, e à rua Boturobi, acesso à escola ETFG. A idéia de unificar o acesso para todos os edifícios, fará com que o fluxo de visitantes e funcionários possa ser direcionado com mais objetividade, ou seja, uma nova rua que converge para uma esplanada central e distribui organizadamente para as áreas de interesse. Por conta disto, sugerimos que o controle para todo o complexo, o existente e o novo, seja feito somente através deste novo eixo, considerando que o acesso dos funcionários ao estacionamento será feito por controle eletrônico.

 

O edifício e a praça elevada

Distribuímos programa de forma a evitar uma verticalização conflitante. Para atender a parte do programa que possui relação direta com o publico, desenhamos um embasamento nos terrenos 3A, 14, 15, 16 e 17, além da ampliação da escola no terreno indiviso. Este embasamento possui dois pavimentos com um vazio central, que preserva as arvores existentes de grande porte. Sua cobertura é uma a praça elevada e contem a área de convivência de todo o complexo. A partir desta praça, a edificação se verticaliza, como um volume de cristal protegido por brises, e distribui o programa restante: a área administrativa.

 

Infra-estrutura e Apoio

Uma torre adjacente que contem sanitários, copas, sistema de ar condicionado, reservatório de água e incêndio (com reaproveitamento de águas pluviais), aquecimento solar e circulação vertical (escada e elevador) alimenta a todos os pavimentos.

 

Sistema construtivo

Procuramos estruturar o edifício através de uma modulação racional, com eixos de 7.50. Desta forma pode-se pensar em um sistema construtivo industrializado, vedos em painéis de baixa densidade, caixilhos e brises metálicos. A torre de infra-estrutura e apoio é constituída de uma pele externa que protege a tubulação de alimentação.